Brasil, Um País Rico?

0

Por Fábio Valentim | 1 de junho de 2012 às 11:51 | @ ,


Pin It now!

Para o Brasil ser de fato rico, é preciso uma reforma política radical, que possa fortalecer a democracia e beneficiar a população como todo...
Há um tempo atrás, tenho comentado a respeito do Brasil ser uma potência mundial, e isso realmente é um fato que não dá pra negar, com tanto destaque que o Brasil vem ganhando, perante à comunidade internacional, tanto economicamente, quanto socialmente. Com o passar do tempo, vemos que o Brasil se consolida como a sexta maior economia do mundo, ultrapassando até mesmo o Reino Unido. Isso poderia de fato não pelo esforço único do governo que temos, mas também pela dedicação do brasileiro em melhorar o seu país, onde cada um faz a sua parte. Mas vamos fazer uma pergunta: O Brasil de fato é país rico? O Brasil é um país desenvolvido?

Chega a ser uma pergunta interessante frisar que ao olharmos notícias como essas, de que o Brasil tem crescido de uma forma muito significativa, imaginamos que vivemos em um país rico, onde a qualidade de vida é exemplar, perante ao mundo. Mas quando saímos pras ruas, observamos pessoas ainda na miséria, pessoas que ainda não tem o que comer, onde violência e corrupção por todos os cantos, o que mostra que o país não tem crescido como imaginaria. Todo esse crescimento não tem refletido de uma forma significativa, no dia a dia do cidadão, que paga uma carga tributária bastante onerosa, e os mesmos recursos públicos não são retornados de uma maneira devida.

Muito se fala que país rico é país sem miséria, mas eu digo que para o país ser rico, para eliminar a miséria que aflige a população todos os dias, é preciso investir seriamente na saúde, na educação e na infraestrutura, onde se envolve, saneamento básico, transporte público de qualidade e vias e estradas, também de qualidade. Claro que isso não é feito seriamente, pois o governo, parece estar mais desligado com os interesses do povo. O governo não quer saber de democracia, apenas de arrecadar cada vez mais e mais, de forma indiscriminada, e ainda prezam pela corrupção, através de desvios de verbas e superfaturamento de obras e serviços do governo. Somos país rico sim, e isso é inegável. Somos uma potência mundial, concordo, mas o dinheiro público é muito mal aplicado, e todos podem concordar com isso.

De nada adianta dizer que somos um país rico, se não temos uma saúde pública de qualidade, onde os profissionais de saúde podem ser tratados com respeito, e os pacientes idem, serem atendidos com qualidade em instalações limpas e organizadas, de onde as suas necessidades possam ser atendidas e supridas com rapidez e qualidade. De nada adianta dizer que somos um país rico, se a educação é uma das piores, subaproveitada e mal utilizada, onde os mesmos profissionais da educação são tratados de forma desrespeitosa. De nada adianta dizer que somos país rico, se não temos infraestrutura adequada, se não tem transporte público, se a mobilidade urbana é impraticável, como pode se ver claramente nas grandes cidades, estes que são os fatores que favorecem a especulação imobiliária e a favelização. Não é só dando Bolsa-Família, que vai se resolver os problemas do país, tem que também beneficiar a todos não por meio de assistência social (estes que devem ser mecanismos temporários, não permanentes), mas através de provento de saúde, educação e infraestrutura, de forma transparente e sem interesses particulares dos mesmos, onde esses interesses geram a corrupção.

Logo, digo que país rico não é país sem miséria, ou pobreza, seja lá o que for. Precisamos entender que o Brasil, para ser país rico, antes de tudo, tem que ser um país sem corrupção. Embora seja impossível reduzir a corrupção a zero, mas podemos tornar um estado limpo e transparente para que a máquina pública possa funcionar de forma qualitativa e organizada, para sim, termos um país que se investe seriamente na qualidade de vida e aos interesses da nação. Assim, o Brasil não se torna um agrupamento de pessoas, mas uma nação, que está muito relacionada à família. Só assim teremos um país rico, onde todos saem ganhando. Assim, poderemos dizer que a nossa pátria amada é a terra da prosperidade.

Artigos Relacionados:





Assine Aqui



#  

Seja o primeiro a comentar este artigo.

Postar um comentário

O Baú do Valentim, sempre vai aceitar as opiniões, sem nenhum tabu. O Baú só não aceita críticas destrutivas e ofensas pessoais. Fora isso, fique a vontade, pois estamos aí pra isso: pra quebrar tabus e expor as idéias para mudar o mundo, ainda que seja apenas o teu próprio mundo. Os comentários deste post expressam as opiniões dos próprios autores dos comentários e não dos autores do site.

Loading...