Como Manter o Namoro Saudável?

postado em: Cotidiano, Relacionamentos | 1
O primeiro passo para construir o amor, é acreditar. Não se pode ter o amor para sempre, se não acreditar no amor para sempre.
O primeiro passo para construir o amor, é acreditar. Não se pode ter o amor para sempre, se não acreditar no amor para sempre.

Sei que você, meu caro leitor, deve ter ouvido muito nas ruas, nas festas e baladas e em diversos grupos de amigos que é muito difícil conseguir uma garota para namorar, para se ter um relacionamento sério. Isso é claro, não é diferente dentro do universo feminino, reclamando da dificuldade de encontrar um homem perfeito, uma pessoa perfeita para completar na sua vida, ou seja, um “príncipe encantado”. Vale lembrar também da grande dificuldade de até mesmo iniciar o relacionamento saudável, pelo fato de haver problemas comuns como ciúmes, traições e indiferenças dentro da própria relação, criando uma sensação de solidão a dois.

Nas voltas que a vida dá, você encontra o amor de sua vida, que faz o mundo ser lindo e perfeito, a melhor pessoa que deseja ter a todo o momento e a todo instante. A grande sacada dos relacionamentos amorosos não é o fato de chegar ao topo da montanha. É permanecer nela, que se torna mais trabalhoso. Não é conquistar o coração de uma pessoa, o maior feito é manter a chama do amor por muitos e muitos anos, em outras palavras, conquistar a mesma pessoa todos os dias por toda a eternidade, passando a confiança, o respeito e o amor.

Manter um namoro saudável é muito trabalhoso e até mesmo complicado, que requer muita paciência e dedicação. Não importa se o amor de sua vida mora na casa ao lado, ou no outro lado do mundo, o compromisso, o esforço em manter o amor de pé será sempre o mesmo. Não devemos jamais confundir o amor com a paixão, muito menos com o apego. O amor é estar em constante construção, desenvolvimento. O grande problema é que as pessoas estão cada vez mais perdendo paciência com tudo, não podendo largar qualquer coisa quando surge a primeira dificuldade.

Seja Amigo(a), Mesmo no Namoro

Sim, o grande amor de sua vida também é um grande amigo. É ser companheiro, compreensível, gentil e ajudar a pessoa sempre no que precisa. Este tipo de atitude faz com que um tenha uma grande importância do outro, fazendo com que sua companhia seja a melhor coisa do mundo para seu parceiro ou sua parceira.

Ser companheiro dentro de um relacionamento amoroso é fundamental, para que possa alimentar e cultivar a confiança dentro do relacionamento amoroso. Seria um ser um ponto de apoio do outro, cuidar um do outro e o mesmo casal se apoiar em algo maior, para que o mesmo namoro seja sustentado, por mais que tempestades e dificuldades apareçam ao longo da vida.

A vida é sim cheia de altos e baixos e existem momentos em que pessoas passam por bons momentos, bem como passam pelos maus momentos e por isso, você precisa saber cativar a pessoa para ela estar sempre disposta a te ajudar, não importando qualquer coisa que seja. Seria muito ruim viver em uma pessoa em que não tem ninguém para poder desabafar ou conversar nos momentos mais diferentes.

Claro que isso não pode se restringir a momentos mais difíceis, precisa ver também que precisa trabalhar em momentos mais felizes. Ter uma pessoa sempre ao seu lado é um fator importante para manter uma mente saudável e até mesmo superar doenças como a depressão. Somos seres sociais e sempre necessitamos de uma companhia para todos os momentos, sejam eles felizes ou tristes. Quando há falta de diálogo dentro do relacionamento, já é o momento de acender o alerta vermelho e ver o que tem de errado no namoro.

Seja Sincero(a) Acima de Tudo

Nunca cometa o erro de mentir para a pessoa que seria capaz de dar sua própria vida pela sua. A pessoa de que falo, é pessoa que é sua melhor amiga, namorada e também amante em todo momento e tudo isso na mesma pessoa. Um relacionamento baseado na mentira, é como construir uma casa sobre alicerce de vidro, que um dia se quebra. Às vezes é preferível contar verdades duras e doloridas para o seu parceiro, do que esconder sob a mentira e tornar a dor ainda maior.

Quando você mente para uma pessoa, você está de fato quebrando a confiança dentro do relacionamento, que é um dos pilares do relacionamento. Um namoro sem confiança, já pode ser considerado um namoro morto, sem vida, pois sem a confiança, não tem como ir pra frente. Para que a pessoa te aceite como você realmente é, você precisa sempre bater na tecla da sinceridade, jamais criar sobre si para seu namorado ou sua namorada, a imagem de quem você realmente não é.

Saiba Ouvir e Respeite o Espaço do Outro

Saber ouvir, acima de tudo, é uma forma da pessoa aceitar outra da forma como ela realmente é, sabendo conviver com todos as qualidades e também com todos os defeitos. Se um não consegue aceitar o outro, não tem como continuar com namoro, mas isso não significa que você é incapaz de amar ou ser amado por alguém, significa que para aquela pessoa não deu certo, mas pode dar para outra…

Em qualquer tipo de relacionamento, especialmente em namoros, este tipo de requisito é extremamente importante para que crie confiança entre os pares. Um casal que consegue ouvir um ao outro, será sempre confiante, tornando a união forte e duradoura. Quando o casal é completamente confiante, acabam sendo menores, as crises de relacionamento provocados por ciúmes. Claro que a confiança e a segurança não deve nascer sempre e unicamente do outro, mas de si mesmo.

Independente de qualquer coisa, religião, pensamento ou linha filosófica do seu parceiro ou sua parceira, é preciso lembrar que um deve respeitar o espaço do outro, sem forçar a pessoa a fazer nada. O amor deve seguir seu curso natural, como um rio, não como um canal, que é um rio que foi forçado a seguir a uma rota. As consequências serão catastróficas para o relacionamento onde pelo menos uma das partes é forçada a fazer algo. Portanto, seja paciente, respeite a posição dela, sem forçar nada. Tudo tem o seu tempo certo.

Sexo e Aparência não são Tudo no Namoro

Sexo é tudo de bom e muito gostoso, mas não é tudo.
Sexo é tudo de bom e muito gostoso, mas não é tudo.

Quem não gostaria de estar namorando um rapaz charmoso ou uma moça bonita, um rapaz de boa pinta ou uma moça sensual e linda de parar o trânsito. Claro que vaidade e cuidar da aparência é importante para haver uma conquista. Embora a vaidade e o cuidado de sua própria aparência, não deve ser descuidada durante o namoro, você não deve ficar preso apenas à aparência física. É preciso além do mais, conhecer a essência da personalidade da pessoa, as características, ou seja, a “beleza interior” da sua pessoa amada.

Por outro lado, não deve resumir apenas em sexo ou a prazer sexual. O objetivo final de um relacionamento é ser feliz, mas não apenas sexo e prazer. Isso não significa que o casal deve deixar de transar, praticar sexo ou fazer amor, nada disso. Penso que o sexo é o momento importante, onde duas pessoas desnudam completamente de seus corpos e de sua alma, se abrindo completamente para outra pessoa. Pode soar meio romântico essa afirmação, mas embora isso pareça meio que meloso, isso é importante para manter o namoro ser saudável.

O Namoro Envolve Renúncia

O relacionamento amoroso envolve muita renúncia , que às vezes devemos renunciar pelo bem do outro, mas antes de tudo, pelo bem de si mesmo. Não significa que um deve ser submisso ao outro, mas um deve renunciar certas coisas pelo outro, mas o maior beneficiado deve ser você mesmo. A maior e a mais difícil renúncia dentro do relacionamento amoroso é o tal falado do orgulho, o mesmo orgulho que nos faz olhar apenas para o nosso próprio umbigo, nada além do que está no nosso nariz.

O mesmo orgulho que impede que um seja compreensivo e confiante com outras pessoas, causa da grande maioria dos términos dos relacionamentos, ou até mesmo de traições conjugais, fazendo com que sejamos meros egoístas, nos achando como a última coca cola do deserto, o que não é tão bem assim. Namorar ou até mesmo se casar (sim, é possível sim namorar durante o casamento) tem como objetivo final um fazer outro feliz, logo, não namore para ser feliz, e sim, para fazer o outro feliz.

Quando o casal ganha com certas renúncias, mesmo àquelas coisas que achava muito importante na sua vida, você também acabará ganhando. Mas lembre-se: não é somente um lado que deve ganhar com a renúncia, são os dois quem devem ganhar com isso e isso é muito importante, pois o crescimento não é só de uma pessoa, mas do casal.

Seja Gentil e Saiba Conquistar

Não é porque você já está iniciando namoro com a pessoa, que você não pode mais conquistar mais a pessoa. Não é a questão de conquista várias pessoas em um único dia, mas a mesma pessoa todos os dias. A arte da conquista implica em ser gentil e conquistador, saber ser amável com palavras bonitas e sinceras. Trocar carícias, sair para jantar, enviar presentes, por mais simples que seja. É o amar sem pedir nada em troca, sem exigir nada, isso é o que chamamos de gentileza, que é uma das melhores formas de amor.

Não importa o jeito, o importante é que saia diretamente do seu íntimo de sua alma. Ser gentil com a pessoa amada é muito importante dentro de uma relação amorosa, pois alimenta ainda mais a confiança e a segurança da mesma, aumenta a autoestima e traz boas energias para o casal. Sim, o casal não deve jamais viver na rotina, tornando o mesmo relacionamento, uma prisão.

Fuja da Rotina

Rotina pode ser útil para organizar a nossa vida, mas a mesma rotina não deve favorecer o desgaste do relacionamento. De vez em quando, custa nada o casal fugir da rotina. Falo em sair para um lugar diferente, viajar, passear, explorar aventuras, ou até mesmo fazer loucuras. Por que não chamar a pessoa amada para admirar um céu estrelado ou simplesmente olhar o mar? Às vezes não precisa de muita coisa para poder sair da rotina ou fazer algo diferente.

Primeiramente pode parecer coisas bobas, ou até mesmo perda de tempo. Mesmo assim, estas coisas não devem ser ignoradas, pois elas têm a sua importância dentro do mesmo relacionamento amoroso. Essas atitudes ajudam a criar momentos inesquecíveis do namoro, podendo ser guardadas na memória pra sempre.

Conclusão

Precisamos entender que o amor é uma coisa tão importante que tem um papel de fazer o indivíduo crescer, pois a mesma sociedade evolui à medida em que o amor se manifesta (ou deixa de manifestar) em um determinado meio. Independente do que acontece no mundo lá fora, você tem que procurar ser, junto com sua pessoa amada, uma luz do amor em toda a sociedade, por mais que as pessoas da sociedade em que vive não acredita em amor de forma alguma.

Isso porque, quando você irradia amor para com todos, é o grande sinal de que o namoro na qual você vive é um namoro saudável e isso deve ser mantido e cultivado a todo custo, em prol da felicidade. Se não existe amor na sua vida, com certeza jamais haverá felicidade. É preciso acreditar no amor para ter o amor eterno, pois o amor de verdade não tem validade.

Tweet about this on TwitterShare on FacebookShare on Google+Share on LinkedInShare on VKShare on TumblrPin on PinterestEmail this to someone
Seguir Fábio Valentim:

Analista de Sistemas e Escritor

Uma pessoa que está sempre disposta a acreditar nos sonhos, no amor e na felicidade até as últimas consequências. Sou proprietário e editor-chefe do Baú do Valentim.

Últimos Posts de
  • Icaro

    Muito bacana, parabéns!