Em Busca do Sentido da Vida: Maturidade

postado em: Sentido da Vida | 0
Maturidade é a capacidade de viver, não o tempo de vida.
Maturidade é a capacidade de viver, não o tempo de vida.

O que é ser maduro? Biologicamente falando, é uma fruta que atingiu uma certa idade para se tornar saborosa, e ainda cair de uma árvore, para gerar outra árvore. Também podemos dizer que é a aptidão de uma pessoa em executar seus atos, logo, muitos acham que maturidade tem tudo a ver com idade. Isso não é verdade. Maturidade, está mais associada com responsabilidades, a capacidade de viver, não de fazer coisas e resolver problemas. Prova disso, é que devemos encontrar pessoas de uma determinada idade, que são muito mais maduras, do que a grande maioria de pessoas, que tem a mesma idade.

Amadurecer significa passar por dificuldades batalhas e provações, para no final, poder se mostrar vencedor, perante a tudo. Ser maduro, é se mostrar capaz. Às vezes, o amadurecimento pode ser sofrível, mas nem sempre é assim. A pessoa madura entende que a vida não é uma receita de bolo, com códigos a serem seguidos. A maturidade não deve ser imposta, deve ser aprimorada, pois nem todos estão prontos para encarar determinados processos de amadurecimento, e não aceitando, acabam ficando involuídos e atrasados, perante aos outros.

Estar maduro, significa que uma pessoa é aberta para coisas novas, que não fica presa aos conceitos e preconceitos. Uma pessoa madura tem muito a ensinar, depois de passar a vida inteira aprendendo, e ainda estar disposta a aprender. Uma pessoa que resolve se fechar, por achar que sabe de tudo, naturalmente, é uma pessoa imatura. Uma pessoa madura não procura acima de tudo, ter uma razão, ela procura um meio de poder beneficiar todas as partes envolvidas. Uma pessoa madura não é aquela que sabe tudo, é uma pessoa que é capaz de viver.

Logo, a maturidade é um importante fator para podermos nos perceber o ponto da nossa caminhada do sentido da vida, em que estamos. Quando mais maduros estamos, mais perto estamos do nosso real sentido da vida, nos mostra os caminhos que percorremos, ao longo de nossas vidas, o quanto passamos, o quanto vivemos e o quanto somos capazes, depois de aprendermos ao longo da nossa vida toda.

Seguir Fábio Valentim:

Analista de Sistemas e Escritor

Uma pessoa que está sempre disposta a acreditar nos sonhos, no amor e na felicidade até as últimas consequências. Sou proprietário e editor-chefe do Baú do Valentim.